Ontem estava vendo o jogo do Corinthians quando meu brother Ricardo Bruno leu a seguinte notícia:

Dançarinas de cabaré francês entram em greve.

Desde 1951, data de fundação do famoso cabaré Crazy Horse de Paris, suas dançarinas nunca tinham entrado em greve. O motivo? Consideram que seus salários não correspondem a carga de trabalho exigida.
Digno, não? (quanto é o salério? Eu não sei…)

Dei risadas e logo veio uma lembrança da famosa casa que fica na Av. George V perto da Av. Montaigne em Paris onde na esquina das duas ruas, minha querida tia Lilibeth mantinha um apartamento. Lembro do cabaré e os movimentos vai e vem na porta, mas também lembro que eu era um ser menor de idade e não poder conhecer tudo aquilo. Pelo menos tenho a visão daquilo como uma criança, enxergando alí um oasis, algo inatingível. (rss)
Voltei a Paris mas não tive a oportunidade de conhecer a casa… um dia…

Além da notícia no UOL, eles tiveram a gentileza prazer de nos presentear com algumas ótimas fotos das coisinhas que estão em greve…
Obs. Baba mais na galeria ou no site dos caras…

Galeria:

“Delicinhas unidas jamais serão vencidas!”

Fotos: Reprodução