VIC&CO COPYRIGHT 2019. ALL RIGHTS RESERVED.

Passaporte

Coqui Coqui | Coba |Yucatan

Created: 19 jan 2017  / Categories: Passaporte

Uma viagem pelos detalhes da residência Coqui Coqui em Coba. O projeto faz parte da perfumaria de mesmo nome idealizada pelo casal Nicolas Melleville e Francesca Bonato. A sede da perfumaria fica em Valladolid, cidade próxima a Tulum no estado de Iucatã.

Denominados como perfumaria, o Coqui Coqui (cóqui cóqui) oferece serviços de “residences & spa” com quartos para serem alugados, spa, e sim, podemos chama-los também de uma cadeia de hotéis. Esse é o caso da unidade que fica no sítio arqueológico Maia em Cobá entre Tulum e Valladolid. Com quatro habitações, o hotel segue um estilo particular da região.

 


Dirigindo pela Toscana

Created: 12 dez 2016  / Categories: Passaporte

Quem é apaixonado por carros antigos com certeza já teve a imaginação levada longe a um sonho de dirigir pelos vilarejos medievais da Europa passando pelas charmosas estradas em meio a paisagens que vimos em filmes de época, pôr do sol e tudo aquilo que o sonho já te levou a imaginar.

 

A MONREAL Tours e a SE7EN Travel se juntaram para tirar esse sonho do papel em junho de 2017. Ambas empresas de turismo montaram um programa que tem como ideia central a locação, a hospedagem e os tais carros antigos.

 

Considerada uma das regiões mais charmosas do mundo, a Toscana na Itália será invadida por uma série de carros esportivos antigos e modernos nos quatro dias de programa. A rota passa por estradas como a da Mille Miglia, a da região produtora de vinhos de Montalcino, passando por San Gimignano, considerada uma das mais belas cidades do mundo, indo até a região do Chianti em direção a Cortona.

 

O pacote inclui:

- Hospedagem e um Relais Chateaux em um Borgo privado próximo a Siena (6 noites);

- Todas as alimentações com bebidas;

- Um carro cabriolet (conversível) moderno ou antigo;

- Visita às vinícolas, atrações e equipe de apoio durante a Road Trip nos 4 dias.

 

Os preços começam em €3.980,00 por pessoa sem o trecho aéreo, as vagas por categoria são limitadas e claro, os modelos dos carros antigos mais legais também.

Eu sei que o fim do ano está aí, mas se você curtiu a ideia, se organize desde já.

 

Serviço:

Monreal Turismo

monrealturismo.com.br (ainda não está no site)

bruno@monrealturismo.com.br

Tel. 11 3755-0500


Alagoas / Brasil / Litoral Sul

Created: 09 dez 2016  / Categories: Passaporte

Uma viagem de Maceió até Penedo que fiz em 2012. O trajeto cobre o litoral sul por inteiro até a chegada em Piaçabuçú, onde o rio São Francisco desemboca na mar vez verde, vez azul turquesa que banha  todo o litoral mais bonito do Brasil. A estrada segue e adentra o estado até a chegada na histórica Penedo que foi importante polo econômico no Brasil imperial. Todos os anos, no segundo domingo do mês é celebrada a festa religiosa de Bom Jesus dos Navegantes onde a cidade é abraçada pela imagem mais emblemática da religião católica, Jesus Cristo, e é desfilada a vista de todos nas margens do Velho Chico.

 

Algumas fotos do trajeto até a chegada em Penedo que independente da cerimônia religiosa, fica em clima de festa e com suas ruas cheias de fiéis e até foliões.

 

 


3 dias de Férias

Created: 18 out 2016  / Categories: Passaporte

Mais um fim de semana em Milagres! Que prazer sair de São Paulo e ficar em um povoado de pescadores onde a maior atração é o mar e a simplicidade das pessoas que te acolhem com um "oba" em cada esquina. Parece que por lá o tempo passa mais lentamente. Não sei se é devido à maresia, à brisa do mar ou o sol quente mesmo mas a sensação é essa.

 

Abaixo, algumas fotos que fiz por lá nesses “3 dias de férias” que mostram a vida dos pescadores, a pesca de subsistência e a verdade no olhar e no sorriso desse povo, além de uma foto aqui e ali do casamento de Mauricio Vasconcelos e Ramona Zanon, o motivo da minha à Milagres na missão de ser padrinho de uma das cerimônias mais bonitos que já vivi.


Sanará / Tulum

Created: 30 ago 2016  / Categories: Passaporte

Quem me acompanhou pelo instagram viu que no ano passado eu fui a Tulum a convite do Governo do México e acabei esticando alguns dias a mais por lá. O motivo? Amigos que moram por lá e vocês viram aqui a tão querida casa deles no meio da floresta Maya.

 

Sem dúvidas uma viagem que mudou um pouco o jeito que olhava para as coisas, além de ter enxergado a ideia de montar o 212 em Milagres enquanto estava por lá.

Foi uma viagem mágica, cheia de histórias, cheia de coisas novas, paixões, risadas e um encantamento por aquele pequeno pedaço de terra e pelas pessoas que cuidam diariamente para que Tulum não se perca e se torne só mais um balneário de praias bonitas e Champagne com foguinho.

A pequena distância do território americano não popularizou a região como imaginava, nem mesmo a cultura local. Já falei aqui sobre algo que me impressionou: o fato dos povos locais ainda falarem a língua Maya entre si, sendo o espanhol o segundo idioma.

A resistência existe além da proximidade com a terra de Tio Sam e todos os estrangeiros, que vão morar por lá, do país vizinho ou não, são abraçados por essa cultura de cuidados com a natureza, reutilização de fontes naturais e a permacultura vista nas comunidades Mayas na península de Yucatan.

 

Voltando às programações de Tulum, entre os inúmeros rolês por cenotes, lagoas, mergulhos com cilindro, visita às comunidades locais e entender o modo de subsistência deles, haviam os programas para descansar, olhar para o sol e tomar umas. Um deles foi uma tarde no Sanará, um hotel que ao mesmo tempo é elegante e simples na medida certa. A recepção é pé na areia e os caminhos que te levam a praia são recheados de chalés, cada um com seu hóspede. Ao fim da trilha, o mar azul turquesa de Tulum e o restaurante que serve uma comida simpática e alguns coquetéis na pegada mexicana – não se engane com a pegada de Cancun.

 

Fiz uma mistura de fotos que fiz na passagem por lá e outras do hotel e dos quartos que achei no site airows.com fotografado por Pablo Garcia Figueroa.

 

sanaratulum.com

 

Acompanhe tudo pelo #viccotulum , #TobiasKnows #VisitMexico e #LiveItToBelieveIt.

 


#TourDeAxe / Pinheiros

Created: 01 ago 2016  / Categories: Passaporte

Ao longo dos últimos anos vocês acompanharam por aqui a minha relação de carinho com AXE junto à diversas ações, além do VIC&CO. Post, que volto a dizer, foi essa turma que primeiro levantou a bandeira e disse “sim” ao meu projeto de volta às origens do digital para o papel.

 

Ainda aqui no digital, vocês acompanharam diversos guias que fiz de Madrid, Nova Iorque, Rio de Janeiro e Berlin, e alguns outros posts mostrando o quanto a marca está inserida nesse universo aqui no Brasil.

Finalmente hoje, apresento um guia de Pinheiros aqui em São Paulo, com algumas dicas do que fazer em um só dia, batendo perna entre pouco mais de 4 quarteirões.

 

Uma coisa é certa pra mim: Hoje, Pinheiros é o bairro mais legal aqui em São Paulo.

Não há uma explicação concreta, mas com certeza isso se da pela soma dos moradores com os estabelecimentos que lá estão e claro, com a turma que se desloca de suas casas para curtir essa vida urbana, humana e legal que nenhum outro bairro tem por aqui.

 

Primeiro vamos falar dos moradores: sempre digo que a grande diferença que deixa claro essa coisa mais humana presente no bairro em comparação aos Jardins (o Itaim, nem se fala) é o fato de que em Pinheiros, são os donos de sues cachorros que andam com seus dogs, enquanto no bairro vizinho, a prática de dog walker é vista em cada esquina. Dá para entender?

 

 

Falando dos estabelecimentos, hoje, com a Cozinha 212, meu restaurante que “comemora” 3 meses essa semana, vejo perfeitamente como a coisa funciona.

A prática da boa vizinhança é o mais legal. Lojas, restaurantes, chaveiros ou qualquer outro ponto comercial se conhecem entre si, inclusive a turma que trabalha em Vallet. E quando não, você informa que é “da área” e a pessoa já mostra uma solidariedade e um carinho no olhar. Brinco chamando isso de “Pinheiros Power”. Isso serve também para estabelecimentos estranhos que as vezes tentam se aventurar por lá e logo são vistos com estranhamento pela turma do bairro.

 

Entre inúmeras razões que possam tornar Pinheiros o bairro mais legal em São Paulo, essa é uma forma que enxergo com respeito e claro, é o que mantém a união por manter um bairro mais bonito, limpo, organizado, com pessoas educadas, ... Pinheiros é assim!

 

O #TourdeAxe tem a ideia de ser um guia fácil e do que fazer em um dia, ou também com # no instagram, onde você pode encontrar os lugares e  buscar pela locação ou mais fotos do lugar.

@axe.BR

 

10:00am

KOF / King of The Fork

Uma cafeteria na movimentada Artur de Azevedo que tem uma pegada de ciclismo, mas que me lembra bastante a pegada do Brooklyn em Nova Iorque.

Por lá servidos ótimos cookies de chocolate, pão de queijo quentinho de queijo da serra da canastra, bons métodos de coar café e algumas outras coisas boas para comer no café da manhã.

Devido à pegada do ciclismo, lá você também pode comprar alguns acessórios extras para a sua bike.

kingofthefork.com.br

11:00am

Diária

Ao lado da KOF, aa loja/galeria com uma curadoria alinhada, repleta de produtos que permeiam por um lifestyle mais fresh, da praia, do mar, com livros selecionados, roupas de marcas independentes e belos objetos para casa.

Um curadoria bem feita pelos próprios donos, Raffaelle Di Giuda e Raphael Dias. Inclusive fui muito bem recebido por lá pelos dois que ao que me pareceu, estão lá diariamente.

casa.diaria.co

12:00pm

Liberty Art Brothers

A loja dos irmãos Rafael e Alexandre Lazinni carrega no DNA uma herança americana e a pegada do workwear do início do século. Por lá, além das joias feitas a mão, vale ficar de olho em algumas jaquetas vintage, outras em jeans cru idealizado pelos caras, capacetes de colaborações e muito trabalho em couro com aviamentos trazidos dos Estados Unidos, que sim, fazem a diferença quando comparados aos que achamos por aqui no Brasil.

Lá, é um dos lugares que você encontra o VIC&CO. Post.

lab-store.com

01:00pm

Cutterman & Co

Uma marca que nasceu em Curitiba e há poucos meses abriu a sua primeira loja aqui em São Paulo.

Por aqui você também vai encontrar trabalhos bem alinhados e com essa pegada craft/workwear como mochilas em lona, capa de óculos, cintos, carteiras, organizadores, bancos em parceria com a Desmobilia (loja de móveis que está na mesma rua e vale a visita), tudo com detalhes em couro e com a bandeira do “feito a mão”.

Lá você também encontra o VIC&CO. Post.

cutterman.co

02:00pm

KØD Steaks &Parrilla

O que nasceu na cozinha como Burger, hoje serve carnes de primeira, trabalhando com cortes de Red Angus e Britânico.

Outra casa com a cultura da lenha e do fogo, o Kød tem uma parrilheira bem grande nos fundos que me lembrou muito a do Chou, outro restaurante entre os meus preferidos em SP, em Pinheiros também.

 

O muffin de entrada é gostosinho e vale pedir o chá da casa. O Prime Rib que serve duas pessoas vale muito a pena, junto com a salada de batatas defumadas ou o purê de mandioquinha que tem Manchego, Canastra e tomilho na mistura.

Como a casa nasceu com fazendo Burger, depois de tudo isso ainda mandei o Costanza que vem com uma gema de ovo curada, Cheddar, torresmo e cebola. Confesso que não achei lá grandes coisas, ainda mais quando comparamos aos dois vizinhos de peso como Z Deli e Meats, algumas esquinas dali.

Não se anime com a sobremesa chamada Negroni. Três espécies de profiterolis bem feitos com uma mistura de chocolate, onde cada um tem algum dos ingredientes para o preparo do drinque: campari, vermouth e gin.

O chocolate é forte e todos parecem iguais.

04:00

Frida & Mina
Se assim como eu, você não viu grande coisa na sobremesa do almoço, essa é a melhor saída.

A sorveteria artesanal na esquina na Arthur de Azevedo com a Joaquim Antunes trabalha com ingredientes orgânicos, obtidos de pequenos produtores e o resultado final e visto nas enormes filas que são formadas aos finais de semana. A casquinha também é feita na casa e mantém a ideia do home made com muito mais sabor e verdade no discurso.

fridaemina.com.br

04:30pm

Livo Eyewear

Se tem uma marca que cada vez mais ganha destaque no Brasil, é a Livo. Os sócios Arthur, Rapha e Guilherme são um ótimo exemplo do “Pinheiros Power” que mencionei acima. Os caras estão todos dias na loja que vende um dos óculos mais legais que você pode encontrar nesse Brasil.
Além do belo desenho e produto, a marca tem um conceito muito bem alinhado que vai além do visual e chega às calçadas. O já inconfundível cheiro está até nas caixas dos óculos.

Indo além, e falando do que mantém Pinheiros assim, esses caras têm alguns projetos sociais que incentivam a doação de livros para instituições, além dos preços justos praticados em armações que carregam acetato italiano e manufatura brasileira.

livo.com.br

05:00

A Lá Garçonne

Recentemente vocês leram aqui que a dupla querida Alexandre Herschcovitch e Fabio Souza, lançou a linha de roupas da já conhecida A Lá Garçonne. A loja que até então só trabalhava com móveis com essa linha vintage que tanto admiramos por aqui, hoje foi além.

As roupas da nova coleção que estão nas araras em meio aos objetos antigos da loja, fazem um misto de peças vintage com peças novas, mas tudo sob uma única direção.

Não podemos chamar de brechó, por que em lojas desse tipo, há de tudo. Nas mãos de Alexandre e Fabio, tudo é pensado de forma que tudo tenha uma mesma linearidade. A coleção segue uma linha clássica masculina misturado ao workwear, com peças que por serem vintage, podem ser únicas.

alagarconne.com.br

06:00

Acierno

A loja de móveis fica ao lado da A Lá Garçonne e aproveite a ida por lá para fazer a dobradinha.

O grande lance da Acierno é ser a primeira marca ítalo-brasileira de móveis de design fabricados sustentavelmente no Brasil. Legal né?

O discurso presente no site dos caras diz muito sobre a tal da ideia Pinheiros Power que já falamos por aqui: “Uma empresa brasileira, bem brasileira. Tudo o que podemos, fabricamos aqui: com matérias-primas e mão de obra local, porque preferimos criar empregos e poluir menos. Mas também uma empresa muito italiana, fundada na Sicília em 1965. E que trabalha com os melhores arquitetos, designers e trend setters do mundo inteiro: então somos também um pouquinho austríacos, franceses, ingleses, alemães, espanhóis, americanos, dinamarqueses...”

acierno.com.br

 

Foto: Reprodução

07:30

Cozinha 212

Tudo começou como um sonho meu junto com Stefan Weitbrecht, que nos últimos 10 anos viemos fazendo a mesma pergunta de forma despretensiosa: E ai, quando vamos abrir o nosso cantinho?
Eis que depois de todo esse tempo, muita dedicação e muitas horas cozinhando, seja em SP, seja na praia, inauguramos a Cozinha 212 em plena rua dos Pinheiros.
Por lá, mantemos a ideia de uma comida simples e bem feita. Vocês me acompanharam no último ano, todas as idas à praia, à Ilha Bela, e a evolução da cultura da lenha e do fogo. É claro que ela está presente, e de lá saem os lagostins frescos, os legumes, as carnes e o nosso Polvo com Aioli. Tudo na lenha!

cozinha212.com.br


House in Tulum

Created: 28 jul 2016  / Categories: Passaporte

Sem dúvidas, Tulum no México tem um ar próprio que faz do lugar, um dos mais especiais que já estive na vida.

A convite do governo do México, via MSL Group aqui no Brasil, tive a oportunidade de conhecer o destino e sim, encontrar com um casal de amigos espetaculares que têm uma casa por lá no meio da “jungla” Maya.

 

Entre cenotes, restaurantes com discurso afiado e criando coisas sérias, lagoas e o mar do caribe, conheci essa casa, pouco mais afastada da animação da via costeira, que tem detalhes em cada canto, com objetos garimpados nas cidades vizinhas e outros, produzidos pelos próprios Mayas da região.

 

Entre inúmeros pontos que devo falar em breve por aqui, o que mais me chocou foi o fato dos locais ainda falaram entre si na língua Maya. Ao mesmo tempo que os Estados Unidos estão ali do lado, a tal cultura avassaladora do Tio Sam ainda não “mastigou” essa ponta cheia de charme da península de Yucatam.

 

Acompanhe tudo pela hashtag #viccotulum ou através das # oficiais do governo #visitmexico e #liveittobelieveit

 


Old NY Tour

Created: 10 abr 2014  / Categories: Passaporte

Já falei em posts antigos, inclusive no que falo sobre “Maria vai com as outras“, que iria falar um pouco da Nova Iorque com lugares que me encantam, saindo da

Top